BLOG

  • Oncotag

Cuidados no inverno para pacientes oncológicos



Com a temperatura em baixa em alguns estados brasileiros, as infecções virais em pacientes adultos se tornam mais comuns, muitas vezes fatais, especialmente em pacientes oncológicos. O pulmão representa o sítio de infeção mais comum em pacientes portadores de tumores sólidos e os cuidados devem ser redobrados, principalmente em vigência de tratamento quimioterápico.


Alguns tipos de quimioterápicos podem reduzir os glóbulos brancos deixando o sistema imunológico vulnerável ou também aumentam a sensibilidade ao frio, exigindo cuidado especial no inverno, principalmente quando as crises causadas pelo medicamento se intensificam, isso ocorre devido pequenas modificações nas fibras nervosas provocando formigamento nas mãos e pés.


Cuidados necessários

Além disso, no inverno há uma maior circulação de vírus e bactérias causados pelo aumento de concentração em locais fechados e pouca circulação de ar. Associado a exposto prévio, a diminuição da incidência de chuva e diminuição da unidade do ar traz como consequência ressecamento acentuado da primeira barreira de proteção humana que é a pele. Por isso, alguns cuidados se fazem necessários, como por exemplo:


  • Higienizar bem as mãos;

  • agasalhar-se bem;

  • usar luvas e meias para manter mãos e pés aquecidos;

  • usar toucas ou gorros de lã principalmente se alopecia presente;

  • evitar multidões e locais fechados;

  • manter a qualidade de sono e alimentação;

  • evitar interação com pessoas com sintomas gripais;

  • hidratação diária da pele;

  • uso de protetor solar mesmo que não haja sol;

  • ampliar o consumo de bebidas quentes como chá e leite ;

  • e se possível vacinar-se contra a gripe anualmente.


Adotar esses cuidados simples podem nos ajudar a reduzir a mortalidade não oncológica comum em tempo de inverno.



Nara Rosana Andrade 
Oncologista Clínica - Sócia da OncoTag